Práticas Educativas Ambientais Formais Sob o Olhar da Ecopedagogia

  • Taiane Aparecida Ribeiro Nepomoceno
  • Terezinha Corrêa Lindino

Resumo

A Educação Ambiental tem sido debatida em diversos âmbitos, inclusive nosistema escolar. Nota-se que sua concretização depende da transformação das práticas,as quais geralmente são realizadas de forma pontual, sem sentido para quem opratica. Dentro dessa conjuntura, a Ecopedagogia vem emergindo e pretende despertaro olhar das pessoas para a convivência harmônica entre todos os integrantes da comunidadeplanetária, sendo que esses saberes podem ser alcançados pela cidadaniaplanetária. Ela amplifica a Educação Ambiental proporcionando-lhe meios para pensaras práticas ambientais de outras maneiras, sinalizando caminhos para sua efetivação.Desta forma, esta pesquisa procurou compreender quais são as propostas curricularesapresentadas pela Ecopedagogia e em que ela se diferencia da proposta deEducação Ambiental, no que tange às práticas educativas ambientais desenvolvidasnas escolas de Educação Básica, no município de Toledo-PR. Ela utiliza-se da técnicade pesquisa documental. Notou-se que grande parte dessas ações ambientais não estásendo realizadas de forma transversal e interdisciplinar, conforme previsto pela legislação.As duas instituições participantes apresentam evolução no processo de superaçãodas práticas tradicionais; mas, sugere-se a adoção da filosofia da Ecopedagogiaque representa uma proposta que pode mudar a forma de viver, aprender, transformare aprimorar as ações ambientais desenvolvidas.

Biografia do Autor

Taiane Aparecida Ribeiro Nepomoceno
Bióloga pelo Centro Universitário da Fundação Assis Gurgacz – FAG. Especialista em Educação Especiale em Educação do Campo pela Universidade Cândido Mendes. Especialista em Atendimento EducacionalEspecializado pela Faculdade Eficaz de Maringá. Especialista em Docência e Gestão do Ensino Superi -or pela Universidade Paranaense – UNIPAR. Mestre em Ciências Ambientais pela Universidade Estadualdo Oeste do Paraná – Unioeste/Campus Toledo.
Terezinha Corrêa Lindino
Pedagoga pela Universidade Federal de São Carlos. Mestre em Engenharia de Produção pela UniversidadeFederal de São Carlos, área Gestão da Qualidade. Doutora em Educação, pela Universidade EstadualPaulista Júlio de Mesquita Filho. Professora Associada na Universidade Estadual do Oeste do Paraná –Unioeste/Campus Marechal Cândido Rondon. Docente permanente no Mestrado em Ciências Ambientais,na Unioeste/Campus Toledo.
Publicado
02-10-2019