Impacto do Treino Proprioceptivo na Prevenção em Lesões de Atletas de Basquetebol

  • Eloiza Bragança de Oliveira Martins
  • Giandra Rafaela Ramão
  • Marina Harumi Schmoller Kubo
  • Talia Regina Zilch
  • Maurícia Cristina de Lima
  • Fábio Luis Perpétuo

Resumo

O basquete por conta de ser uma modalidade coletiva acaba levando a umamplo número de lesões correspondentes ao modo de jogo que contém contato diretoentre os jogadores, ocorre movimentos rápidos em pequeno espaço. Encontra-se emestudos que joelho e tornozelo são os locais que ocorre maior número de traumas nestamodalidade, como destaque entorses. Objetivo: Este estudo teve como objetivoavaliar a condição de lesões em joelho e tornozelo, das atletas de basquetebol. Metodologia:Participaram do estudo 17 jogadoras de basquetebol, com idade variando entre14 a 18 anos, que competem representando a cidade de Foz do Iguaçu, Paraná,Brasil, colégio COC JK e UNIAMÉRICA. Foi utilizado 5 questionários desenvolvidospelos acadêmicos. Resultado: Os resultados expressaram que das 17 atletas queparticiparam do projeto, 16 apresentaram algum tipo de lesão 94,11%. Identificamos18 lesões, sendo destas 7 (41,17%) sendo lesões ocorridas no joelho e 11 (64,70%)ocorridas no tornozelo. Da parte de tornozelo, a lesão mais encontrada foi entorse dojoelho. Já na parte do joelho a lesão encontrada com maior índice foi tornozelo. Conclusão:Todos estes resultados foram de acordo com estudos retratados e mostram anecessidade de exercícios de propriocepção na percepção de diminuir a ocorrênciadestas lesões.

Biografia do Autor

Eloiza Bragança de Oliveira Martins
Acadêmicas do 2º e 3º do curso de Graduação em Fisioterapia no Centro Universitário Uniamérica.
Giandra Rafaela Ramão
Acadêmica do 2º e 3º do curso de Graduação em Fisioterapia no Centro Universitário Uniamérica.
Marina Harumi Schmoller Kubo
Acadêmica do 2º e 3º do curso de Graduação em Fisioterapia no Centro Universitário Uniamérica.
Talia Regina Zilch
Acadêmica do 2º e 3º do curso de Graduação em Fisioterapia no Centro Universitário Uniamérica.
Maurícia Cristina de Lima
Fisioterapeuta, Mestre em reabilitação e inclusão, doutorada em Saúde Pública pela USP, docente do cur -so de fisioterapia do Centro Universitário UniAmérica.
Fábio Luis Perpétuo
Fisioterapeuta. Docente do curso de fisioterapia e Pós-Graduado em Perito judicial trabalhista, Pilates eReeducação Postural Global (RPG) pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE).
Publicado
19-07-2019