O Significado do Acolhimento na Perspectiva dos Trabalhadores de uma Unidade Básica de Saúde da Família de Minas Gerais

  • Kathleen Esli Braga
  • Patrícia Costa dos Santos da Silva
  • Lívia Ferreira Oliveira

Resumo

Conhecer o significado do acolhimento na perspectiva dos trabalhadores daUnidade Básica de Saúde da Família. Material e Método: Trata-se de um estudo comabordagem qualitativa, do tipo descritivo-exploratória, e os dados foram coletadospor intermédio das técnicas de entrevista e diário de campo, obtidas junto aos trabalhadoresda Unidade Básica de Saúde da Família (UBSF) localizada em um bairro deum município do Triângulo Mineiro. Como critérios de inclusão para os trabalhadorester mais de 18 anos de idade, estar trabalhando na UBSF e aceitar participar da pesquisa.Resultados: A amostra é composta por 12 profissionais que possuem vínculoempregatício na referida UBSF e esse número foi estipulado por se tratar de umaamostra não probabilística e baseada na experiência dos pesquisadores de campo depesquisa. A análise dos dados possibilitou a construção de duas unidades temáticas:visão fragmentada do acolhimento e visão holística. Buscou-se assim representar a visãoholística do acolhimento na sua totalidade, e a visão fragmentada na perspectivade alguns trabalhadores, onde cada peça significa uma subcategoria. Conclusão: conclui-se que, a maioria dos trabalhadores possui um conhecimento fragmentado acercado significado de acolhimento, demonstrando dificuldade em reconhecer o acolhimentona sua totalidade. Sendo que cada categoria compõe o acolhimento como umprocesso constitutivo fundamental das práticas de produção e promoção de saúde, deforma a possibilitar um cuidado integral e humanizado.

Biografia do Autor

Kathleen Esli Braga
Acadêmica do 9º Período de Graduação em Enfermagem pela Universidade Federal de Uberlândia, MG,Brasil.
Patrícia Costa dos Santos da Silva
Enfermeira. Doutora em Ciências, Área Enfermagem Fundamental, pela Escola de Enfermagem de RibeirãoPreto da Universidade de São Paulo. Professora Adjunto da Universidade Federal de Uberlândia,UFU. Uberlândia/MG, Brasil.
Lívia Ferreira Oliveira
Enfermeira. Doutora em Ciências da Saúde, Subárea Patologia Humana, pela Universidade Federal doTriângulo Mineiro. Professora Adjunto I da Universidade Federal de Uberlândia, UFU. Uberlândia/MG,Brasil.
Publicado
12-06-2019