Efeito da massagem abdominal e cinesioterapia em mulheres acometidas com constipação intestinal.

Autores

  • Daiane Santos de Jesus

Resumo

Introdução. A Constipação intestinal é o funcionamento inadequado do intestino por um período mínimo de três meses. Nesse período, o paciente poderá ter uma frequência evacuatória/defecação menor que três evacuações por semana com alteração no ato de evacuar, apresentando dificuldade para expelir em decorrência do ressecamento do bolo fecal. A constipação traz desconforto abdominal, dor na evacuação e, casos mais graves, fissuras anais. Objetivo: Foi apresentar os efeitos de manobras abdominais e cinesioterapia no tratamento da constipação intestinal. Metodologia: Caracterizou-se como observacional, exploratório, quali-quantitativo e com abordagem ao campo por meio de um protocolo de atendimento composto de técnicas manuais para estímulo peristáltico e cinesioterapia. A amostra do estudo compreendeu 15 pacientes, submetidas a 16 atendimentos, com duração de 40min, duas vezes na semana. As participantes do estudo foram submetidos a uma avaliação baseada nos critérios Roma III e Bristol. Resultado: Observou-se melhora na quantidade e facilidade para as evacuações. Na escala de Bristol, partiram de uma avaliação nos grupos 1 e 2 para 3 e 4 – grupos da escala de normalidade. Em Roma os pacientes (100%) apresentavam esforço no ato evacuatório e pós-atendimento o resultado foi nunca (73,33%) ou algumas vezes (20%). Quanto à quantidade de idas ao sanitário, 60% da amostra indicou 1x/semana. No pós, todas a pacientes indicaram o aumento no número de idas ao toalete de pelo menos 2x/semana, sendo 53,33 da amostra tiveram frequência normal, >3x/semana. Conclusão: As massagens abdominais em conjunto com a cinesioterapia auxiliam indivíduos com constipação intestinal no aumento do número de evacuações/semana,

Downloads

Publicado

12-03-2020