Mapeamento do Processo de Compras: Uma Ferramenta Para Gestão Hospitalar

  • Ana Caroline Rauber da Costa Acadêmico(a) em Ciências Contábeis do Centro Universitário União das Américas (Foz do Iguaçu, PR).
  • Luana Nascimento Chefer Acadêmico(a) em Ciências Contábeis do Centro Universitário União das Américas (Foz do Iguaçu, PR).
  • Rafael Junior de Oliveira Acadêmico(a) em Ciências Contábeis do Centro Universitário União das Américas (Foz do Iguaçu, PR).
  • Sergio Moacir Fabriz Mestre em Contabilidade pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Cascavel, PR (UNIOESTE).

Resumo

O mapeamento é essencial para identificação no fluxo do processo de compras e prevenção do acúmulo nas atividades desenvolvidas. É fundamental que as atividades administrativas estejam alinhadas e estruturadas, para que a organização melhore a sua produtividade, demonstre domínio sobre os processos de compras gradativamente e contribua com gerenciamento de qualidade e compromissos. A finalidade é propor um mapeamento no processo de compras sugerindo algumas melhorias e desenvolver um fluxograma para o hospital em estudo. Para alcançar tal objetivo, o estudo delimitou a pesquisa de modo qualitativo, por meio de entrevistas de forma que o alvo seja a concepção do fenômeno para sugerir melhorias, tendo como referência o período de fevereiro a junho de 2018. Após os esclarecimentos com servidores do hospital do setor de compras, foram relatados os problemas atuais e os ganhos que a implementação da metodologia do mapeamento de processos poderia trazer para a instituição. Esse procedimento surge como uma forma de organizar e melhorar os processos de uma organização, seu impacto dentro de uma empresa pode ser significativo e trazer diversos benefícios. Como desfecho, realizou-se um fluxograma geral de compras acompanhado por um descritivo, a fim de padronizar a realização de todas as compras do hospital, visando agregar valor à organização e trazer eficiência e ganhos ao setor público.
Publicado
2018-10-05